Arruda é o candidato de Roriz ao Buriti

Joaquim Roriz e José Roberto Arruda

Por: Walter Brito

Reunião ontem na residência do ex-governador Joaquim Roriz, no Park Way em Brasília, mostrou claro o jogo político no Distrito Federal, que inicia o desenho da disputa pelo comando do governo. Vale lembrar, que o pleito eleitoral de 2014 em Brasília, já tem como postulante o atual governador Agnelo Queiroz (PT).

Ao chegar de uma viagem aos Estados Unidos, Luiz Estevão foi direto para a reunião no Park Way, quando foi escolhida como candidata a vice-governadora, Liliane Roriz do PRTB. O partido na prática, é comandado por Estevão. Adelmir Santana, acredita que Eliana Pedrosa (PPS), Luiz Pitiman (PSDB) e Alberto Fraga (DEM) estarão juntos na chapa encabeçada por Arruda.

Assim que terminou a reunião, por volta das 18:30h, a reportagem do Diário da Manhã, falou com o ex-senador Luiz Estevão, presidente de honra do PRTB do Distrito Federal. “Aconteceu o que já era esperado, e foi iniciado recentemente na residência do governador de Goiás, Marconi Perillo, ou seja: José Roberto Arruda (PR), será o nosso candidato ao governo, tendo a deputada distrital Liliane Roriz (PRTB) como vice, e o senador Gim Argello (PTB) completa a chapa majoritária. Argello concorrerá à reeleição”, afirmou Luiz Estevão. Ouvimos ainda o ex-senador Adelmir Santana (PR), que também esteve na reunião: “A chapa encabeçada por Arruda é muito forte, pois tem o respaldo da liderança inquestionável de Joaquim Roriz, o que facilitará agregar os demais companheiros e companheiras de nosso grupo ideológico. Acredito inclusive, que teremos ao nosso lado, figuras expressivas da política brasiliense, tais como a deputada distrital Eliana Pedrosa (PPS), o ex-deputado Alberto Fraga (DEM), o deputado federal Luiz Pitiman (PSDB), dentre outros. Foi formada uma chapa competitiva, rumo ao Palácio do Buriti. Eu não serei candidato a nenhum cargo”, esclareceu Adelmir.

Liliane, a filha de Roriz, será a vice de Arruda. Gim Argello é o candidato do grupo ao Senado da República.

Espera-se que Arruda não tenha nenhum problema jurídico daqui para o mês de junho, que impeça a viabilidade de sua candidatura. Passando pelo crivo jurídico, certamente a candidatura de José Roberto Arruda será homologada na convenção do PR. A partir de agora, o senador Rodrigo Rollemberg (PSB), lutará para ter Antônio Reguffe (PDT) como seu vice, e tornar a chapa “Geração Brasília” viável. Fala-se na possibilidade da chapa ser fortalecida com o nome de Toninho do PSOL para o Senado.

Por outro lado, especula-se ainda, a possibilidade de Joaquim Roriz (PRTB) ser candidato a deputado distrital. Acredita-se que seria a maior jogada política do Distrito Federal nas eleições de 2014, o que poderá transformar o PRTB no partido mais poderoso da Câmara Legislativa do Distrito Federal pois, analistas políticos estimam que Roriz teria mais de 200 mil votos. Nesse sentido, o PRTB comandado na prática por Luiz Estevão, teria a possibilidade de eleger uma bancada expressiva, de cinco a oito deputados distritais.